www.adrianoniz.com

A palavra visualização está por vezes associada a gurus “New Age” que ensinam técnicas esotéricas para o enriquecimento das pessoas e “atrair” o que pretende na vida.

Isto provoca a descredibilização de muitas informações científicas, no entanto, pilhas de pesquisas, demonstraram que a visualização mental pode melhorar o rendimento desportivo.

Um dos últimos estudos realizados, sugere que um determinado tipo de visualização mental, pode também a força dos campeões olímpicos, e os atletas profissionais têm vindo a usar a visualização e técnicas de feedback mental há várias décadas. Não só a visualização é uma das técnicas mais aceites e utilizadas na psicologia desportiva, como é também validade pela investigação cientifica.

NO ENTANTO, MUITAS PESSOAS MANTÊM-SE CÉPTICAS…

Algumas pessoas concordam que a visualização pode melhorar habilidades específicas, como um “swing” de golf ou um lançamento de basquetebol, mas questionam se isso o pode tornar mais forte, aumentar o desenvolvimento muscular, ou ajudar a perder peso.

Um novo estudo, publicado no Journal of Strength and Conditioning Research, sugere que, realmente, a visualização mental pode-o tornar mais forte. Este estudo também começa a explicar como funciona a visualização a nível neurológico.

Vinte e dois estudantes de desporto, com a idade média de 20 anos, participaram numa longa experiência de 6 semanas. Antes do estudo, nenhum deles tinha praticado a visualização. Os estudantes foram divididos em dois grupos, o grupo de controlo e o grupo da visualização.

O objectivo era verificar se a visualização poderia aumentar a força dos estudantes no supino e prensa de pernas.

Cada participante recebeu instruções específicas sobre como realizar a visualização. Durante o período de descanso entre séries, deveriam imaginar de forma vívida, o movimento do exercício e as contracções musculares geradas por cada repetição.

Após 12 sessões de treino, o grupo da visualização obteve ganhos de força significativamente superiores ao grupo de controlo, especialmente nas pernas (prensa de pernas).

OS INVESTIGADORES CONCLUÍRAM:

“Os resultados forneceram provas de que a visualização mental contribui para o aumento da força das pernas, sem qualquer mudança macroscópica da sua estrutura”.

O que estavam a dizer é que a duração do estudo não foi suficientemente longa para se verificarem aumentos notórios da massa muscular, por isso atribuíram o aumento da força a adaptações não morfológicas.

Em ciência do desporto, é bem sabido que os ganhos de força não ocorrem somente nas fibras musculares e tecidos circundantes, mas também no sistema nervoso.

Isso dá-nos uma pista de como funciona a visualização mental.

De forma simples, as técnicas de treino mental, (sim, elas estão a trabalhar com o seu cérebro/sistema nervoso – tal como o nome indica), pode dar início a algumas das adaptações neurológicas que ocorrem devido ao treino físico.

Aparentemente, a visualização mental pode aumenta a sincronização das unidades motoras nos músculos, havendo grandes áreas correspondentes no córtex motor principal.

Também proporciona benefícios psicológicos, como um aumento da motivação, aumento da concentração durante a série, melhoria da técnica, mais confiança e menos apreensão e ansiedade. De forma clara, a visualização faz mais do que apenas motivá-lo.

Aqui está algo interessante. Os investigadores até chegaram a sugerir que a visualização mental poderia reduzir a perda de força quando os atletas se tornam inactivos devido a uma lesão.

Nota: É importante ver mentalmente (visualizar o exercício) e “sentir” mentalmente a contracção muscular. Isto é multi-sensorial – tanto visual como kinestético.

O treino de densidade e treino de superséries são excelentes técnicas para pessoas ocupadas porque esses métodos reduzem os intervalos de descanso, tornando o tempo de treino mais eficiente.

Mas o tempo de descanso entre séries não tem de ser desperdiçado – agora sabe o que fazer com esse tempo…

Em vez de conversar com os seus amigos do ginásio, ou admirar as formas atraentes das atletas do sexo feminino., pode preparar-se de forma mental para a sua próxima série… e beneficiar do aumento de força que a visualização lhe proporcionará.

Artigo de Referência!

niz

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.